quinta-feira, 8 de julho de 2010

0043 [INTERATIVO] Estou sendo assediada e não posso perder o serviço!

Estou adorando o meu trabalho em um aeroporto, mas, o meu supervisor está me assediando. Convida-me para sair, essas coisas. Ontem ele me disse que se não aceitar sair ele vai queimar meu filme com a gerência. Sou a única em casa que trabalha, faço faculdade e não posso perder o emprego.

Ana, 23, RJ

.

Relações de trabalho estão no âmbito das relações humanas, e os interesses se manifestam. Obviamente que nesse caso de forma desrespeitosa. A primeira pergunta que surge é: quem está acima de seu supervisor? Pois a lei precisa ser invocada para que o respeito fique assegurado, e nesse caso entra no âmbito sexual.

O filme ‘Assédio Sexual’ com Demi Moore e Michael Douglas trás essa questão de forma muito interessante, mas há uma frase marcante de uma advogada: “Assédio não é uma questão de sexo. Assédio é uma questão de poder.” Nessa colocação feita no filme há um esclarecimento do que seja o assédio em si. Pois o poder está sujeito às leis que o regem.

Então me pergunto por que até agora você não chamou pela lei à qual seu supervisor está submetido, à hierarquia que lá existe. Empresas organizadas têm um organograma bem estruturado e primam por fazê-lo valer. Além do mais, sua tenra idade pode lhe favorecer no crédito que pode ser conferido ao seu depoimento. Fora isso não sei como poderia estar lhe ajudando.

.

Para enviar perguntas: gobett@tribunatp.com..br

Nenhum comentário:

Postar um comentário

:a   :b   :c   :d   :e   :f   :g   :h   :i   :j   :k   :l   :m   :n   :o   :p   :q   :r   :s   :t

ATENÇÃO! Palavras ofensivas, spams, links serão removidos. Perguntas SOMENTE pelo pelo e-mail >> gobett@tribunatp.com.br

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...