quinta-feira, 27 de novembro de 2008

0033 [INTERATIVO] Atraio homens como o meu pai

Tomei consciência que atraio homens mulherengos e com tendência ao alcoolismo e que de certa forma lembram atitudes que eu criticava em meu pai. São homens que não querem compromisso e não me dão valor. O que faço para superar esse ciclo vicioso que se instaurou?
Mary.

Foi Freud que apontou a tendência da mulher procurar um companheiro com características de seu pai, contrariamente ao homem, por questões da constituição do masculino e do feminino.
A superação do ‘ciclo vicioso’ (como o nomeou) vincula-se ao seu desejo, sempre da ordem do inconsciente, só revelado em análise, e não pode ser confundido com o querer, da consciência. No entanto está evidente sua identificação com a figura paterna que se repete nos seus envolvimentos.
Toda a criança tem nos pais as imagos do primeiro caso amoroso, de onde surge o desejo incestuoso e sua proibição, sendo essa a que nos possibilitará o encontro com o outro sexo numa fase madura da vida.
A grande maioria das pessoas (para não dizer todos) encontra-se alienada das forças que regem tal desejo. Não é possível se desalienar totalmente, porém um pouco que revelado muda muito a vida da pessoa.
Uma coisa é certa: essa identificação paterna precisa ser rompida. Sem isso não haverá encantamento por um homem fora de seu pai.
___________________
Para enviar perguntas: gobett@tribunatp.com.br

Nenhum comentário:

Postar um comentário

:a   :b   :c   :d   :e   :f   :g   :h   :i   :j   :k   :l   :m   :n   :o   :p   :q   :r   :s   :t

ATENÇÃO! Palavras ofensivas, spams, links serão removidos. Perguntas SOMENTE pelo pelo e-mail >> gobett@tribunatp.com.br

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...