terça-feira, 22 de abril de 2008

0003 [ARTIGO] COMO NASCE UM PARADIGMA

COMO NASCE UM PARADIGMA

Cinco macacos foram colocados numa jaula com bananas no topo de uma escada. Quando um deles subia para apanhá-las os demais recebiam jatos d’água fria. Logo passaram a surrar aquele que se aventurasse. Em pouco tempo mais nenhum deles se atrevia, apesar da tentação.
Um dos macacos foi substituído e foi logo em busca das bananas levando uma enorme surra dos outros, até abandonar seu objetivo.
Substituíram um segundo e o fato se repetiu, agora com o primeiro substituto participando na surra com entusiasmo. Depois um terceiro, um quarto e finalmente o último. Ficaram cinco macacos que mesmo sem nunca ter tomado um banho frio batiam naquele que tentasse alcançar as tentadoras bananas.
Os experimentadores então concluem que se fosse possível perguntar por que assim procediam talvez ouvissem: "Não sei, as coisas sempre foram assim."
 
_______________
O senso crítico do homem permite questionar regras, mas estamos sujeitos a paradigmas mesmo sem percebermos. No trabalho fazemos o que se espera, não necessariamente o correto, tal como um servidor público honesto trabalhando em uma repartição cheia de corrupção aprende que “as coisas sempre foram assim”. Como no dito ‘em Roma fale como os romanos’.
“Todos vigiam todos para que ninguém faça o que todos gostariam de fazer”.
(Ângelo Gaiarsa, psicólogo brasileiro - 19/08/1920 - 16/10/2010).

P a r a   e n v i a r   p e r g u n t a s : gobett@tribunatp.com.br

Nenhum comentário:

Postar um comentário

:a   :b   :c   :d   :e   :f   :g   :h   :i   :j   :k   :l   :m   :n   :o   :p   :q   :r   :s   :t

ATENÇÃO! Palavras ofensivas, spams, links serão removidos. Perguntas SOMENTE pelo pelo e-mail >> gobett@tribunatp.com.br

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...