terça-feira, 5 de agosto de 2008

0018 [INTERATIVO] Não sei qual era a dela!!

Comecei uma amizade pelo Orkut com uma mulher seis anos mais velha. Depois de alguns encontros me vi apaixonado. Apesar de meu empenho para dar certo ela não se separou do marido, dizendo não ter o apoio da família. Me fez crer que realizaríamos nossos sonhos, que me amava, mas depois mudou muito. Não sei se me amava ou apenas queria vingar-se do marido que havia lhe traído. Seria curtição do momento? Porque não deixou claro desde o começo? Estou confuso, sem saber qual era a dela.
Guto, Curitiba/PR

Parece-me que desde o início você sabia que ela era casada, e mesmo na alegação de uma separação você assumiu os riscos. Na sociedade em que vivemos relacionamentos sem grandes compromissos são muito freqüentes, assim como suas conseqüências. A situação em si já é bastante delicada. Mas há algo também relevante que talvez tenha desconsiderado: o relacionamento iniciou-se virtualmente.
Os inícios tendem a ser carregados de idealizações, mas quando virtuais as idealizações não enfrentam o real do corpo, pelo menos não nas expectativas. Essa ausência do real dá asas à imaginação. Além do mais, mal conhecia a pessoa, e sem muito saber de suas intenções ou caráter você se atirou com tudo. Veja quanta coisa você não considerou como possibilidades de riscos!
Assim como você, também fico sem saber qual era a dela. Mais me inquieta saber qual é a sua. Enquanto o real se enfrenta, o virtual se fantasia.
Para enviar perguntas: gobett@tribunatp.com.br

Nenhum comentário:

Postar um comentário

:a   :b   :c   :d   :e   :f   :g   :h   :i   :j   :k   :l   :m   :n   :o   :p   :q   :r   :s   :t

ATENÇÃO! Palavras ofensivas, spams, links serão removidos. Perguntas SOMENTE pelo pelo e-mail >> gobett@tribunatp.com.br

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...