terça-feira, 16 de setembro de 2008

0024 [INTERATIVO] Vida profissional ou amorosa?

Sempre pedi a Deus um ótimo emprego e um amor verdadeiro. Fui contratada na minha área na empresa que todos querem trabalhar. Meu amor fala que pra onde a gente for eu vou concluir a formação, mas ele saiu do emprego pelas oportunidades em outras cidades (sempre disse que isso um dia aconteceria). Será nosso segundo casamento e queremos construir uma família de verdade com nossos filhos. Agora não sei se vou com ele ou sigo minha carreira profissional. Estou com medo!
Silvia.

Se ainda nem concluiu seu curso, como está com tantos planos de mudança? A graduação é essencial e acima de tudo racional. Dois fatos de naturezas diferentes (racional x emocional), mas você está cruzando as linhas. É necessário dar conta da vida, mesmo que isso custe algum sacrifício ainda que parcial. No seu caso isso deveria nortear suas ações. Mas como o coração está falando muito forte, fica contaminada com a idéia. Veja que seu marido não está deixando o real da vida de lado, não é?
O emprego promissor deixa uma questão a ser resolvida em outro momento. Quando já estiver formada as coisas estarão de outra maneira e só então poderá decidir com os dados do momento. Quem sofre por antecipação sofre pelo menos duas vezes, e pior ainda, a sob a imaginação. Ter conseguido o que tanto desejou gera mesmo muito medo. Tudo que se deseja muito assusta quando prestes a ocorrer.
Para enviar perguntas: gobett@tribunatp.com.br

Nenhum comentário:

Postar um comentário

:a   :b   :c   :d   :e   :f   :g   :h   :i   :j   :k   :l   :m   :n   :o   :p   :q   :r   :s   :t

ATENÇÃO! Palavras ofensivas, spams, links serão removidos. Perguntas SOMENTE pelo pelo e-mail >> gobett@tribunatp.com.br

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...