segunda-feira, 20 de agosto de 2012

0103 [Artigo] O Significado do Corpo (VI) Mídia 1


ÉTICA, MÍDIA E SEXUALIDADE (I)
Paulo Roberto Ceccarelli

A sexualidade sofre efeitos da mídia
A sexualidade humana se constitui antes do nascimento da criança e se relaciona com o lugar que a criança ocupa no imaginário dos pais e na economia libidinal do casal. Após o nascimento inicia-se a constituição do sujeito: um processo marcado por intensos movimentos pulsionais que definirão a expressão da sexualidade adulta. Isto significa que os diferentes graus de repressão, prazer, culpa, influenciam na maneira como cada um vive a sua própria sexualidade, construída desde os primeiros dias de vida.
Embora a criança demonstre interesse sexual desde tenra idade, a sexualidade infantil é totalmente diferente da adulta. A resposta que ela dá às excitações sexuais de seu corpo não corresponde à leitura que o adulto faz desta mesma sexualidade. É por esse motivo que a criança é inocente na fase das "brincadeiras sexuais". O adulto ao surpreendê-la nestas brincadeiras lhes atribui a conotação sexual adulta que significará a permissão/proibição de certas brincadeiras à criança e, em casos extremos, dignas da punição de Deus. A resposta do adulto à sexualidade infantil está intimamente ligada à maneira como o mesmo vivenciou o despertar de sua própria sexualidade.

(Paulo Roberto Ceccarelli é Doutor em Psicopatologia Fundamental e Psicanálise pela Universidade de Paris VII, entre outros títulos de peso).
#
P a r a   e n v i a r   p e r g u n t a s : gobett@tribunatp.com.br

Nenhum comentário:

Postar um comentário

:a   :b   :c   :d   :e   :f   :g   :h   :i   :j   :k   :l   :m   :n   :o   :p   :q   :r   :s   :t

ATENÇÃO! Palavras ofensivas, spams, links serão removidos. Perguntas SOMENTE pelo pelo e-mail >> gobett@tribunatp.com.br

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...