quinta-feira, 23 de junho de 2011

0087 [Artigo] Comunidades virtuais e o Ego


Admirável Sociedade Virtual (II)

O ego se expressa nas comunidades
Comunidades virtuais no Orkut agrupam pessoas com mesmos objetivos. Desde as do tipo “sou fã de fulano” ou “eu odeio mentira” até as que se propõem debates em torno de um único tema, passando por uma variada gama delas. Uma comunidade tem um dono que pode ou não ter moderadores (auxiliares).
Para participar de uma comunidade moderada a pessoa deve aguardar aprovação após pedir ingresso. Então deve acatar as regras ali determinadas. Está criado um ambiente em que o poder é exercido virtualmente sobre todos seus membros, fato que motiva algumas pessoas a possuírem muitas comunidades. É fácil imaginar que tal poder alimenta a vaidade de quem o detém frente aos demais que muitas vezes se vêem diante da dificuldade em lidar com a lei, que em muitos de nós foi introduzida pela função paterna em nossa vida familiar. E se reproduz um modelo vertical, hierárquico e por vezes tirânico por partes dos donos e/ou moderadores.
Nas que propõem temas de discussão os debates são geralmente acalorados, polarizando posições. Muitas vezes um dos pólos é defendido pelo dono ou moderador, o que constrange a livre expressão de alguns por receio da retaliação moral. Se tomarmos uma comunidade bem movimentada com 200 mil membros, os participantes ativos dos debates não passam de 100 (0,05%), mais que suficientes para envaidecer o ego de algumas pessoas.
#
P a r a   e n v i a r   p e r g u n t a s : gobett@tribunatp.com.br

Nenhum comentário:

Postar um comentário

:a   :b   :c   :d   :e   :f   :g   :h   :i   :j   :k   :l   :m   :n   :o   :p   :q   :r   :s   :t

ATENÇÃO! Palavras ofensivas, spams, links serão removidos. Perguntas SOMENTE pelo pelo e-mail >> gobett@tribunatp.com.br

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...