segunda-feira, 18 de abril de 2011

0070 [Perg/Resp] Grávida, mas não do meu marido

Meu bebê nasce agora no fim do mês, mas seu pai não é meu marido. Ele e algumas pessoas sabem disso. Quando ele estiver maior e entender, devo contar a verdade? O pai biológico pediu que eu abortasse.
Isis, 29, desempregada

O pai ñ é meu marido
Sua pergunta guarda semelhanças e diferenças com outra que respondi sobre adoção. Começando pelas semelhanças...
A verdade não ocupa espaço, além do risco de escondê-la. Perderá a espontaneidade; a preocupação e a culpa farão morada em seu lar. Tendo de desviar-se a todo instante da verdade, poderá tropeçar no próprio rabo, a mentira.
Afora isso o choque que seu filho poderá ter será imensamente maior. Esse tipo de mentira não se sustenta por muito tempo, tendendo a piorar até se tornar insuportável e vazar. Não raro os filhos se magoam com seu progenitor, perdem a confiança, sentem-se traídos com a formação de sua personalidade tendo sido sabotada com a mentira/omissão. Imagine uma situação de discussão com seu marido em que isso venha à tona.
A diferença básica é que ele é um filho bastardo com pedido de aborto. Se não quis abortar o corpo de seu filho não aborte seu desenvolvimento pessoal que já começa com dificuldades específicas. 
Seu temor me parece mais ligado à circunstância em que está envolvida que ao bem estar de seu filho. Ele ocorre no presente que é onde vive e seu filho ainda nem nasceu.

P a r a   e n v i a r   p e r g u n t a s : gobett@tribunatp.com.br

Nenhum comentário:

Postar um comentário

:a   :b   :c   :d   :e   :f   :g   :h   :i   :j   :k   :l   :m   :n   :o   :p   :q   :r   :s   :t

ATENÇÃO! Palavras ofensivas, spams, links serão removidos. Perguntas SOMENTE pelo pelo e-mail >> gobett@tribunatp.com.br

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...